A ESCRAVARIA DA VILA DE SÃO CRISTÓVÃO/SE NO SÉCULO XVIII: UM PERFIL DEMOGRÁFICO

Anderson Pereira dos SANTOS

Resumo


Este trabalho tem como objeto a escravaria da Vila de São Cristóvão/SE no século XVIII. O objetivo é traçar a demografia deste segmento social determinando o sexo, origem, antroponômia, faixa etária, ocupações, condição jurídica, doenças mais frequentes, e o valor monetário. O corpus documental utilizado é formado por 23 inventários de senhores de escravos complementados por outras fontes de época. A pesquisa tem feitio quantitativo e se valeu do programa SPSS 19.0 ao tratamento dos dados. Os resultados obtidos mostraram como a escravaria dos pecuaristas e senhores de engenho teve o predomínio dos criolos, do sexo masculino, com pouco parentesco, maciça presença de nomes católicos, de adultos em idade produtiva, de ocupação ligada ao campo, em bom estado de saúde, e preço médio de 69$3494 réis.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


http://www.latindex.unam.mx/buscador/ficRev.html?opcion=1&folio=8807

http://www.sumarios.org/revistas/revista-do-instituto-hist%C3%B3rico-e-geogr%C3%A1fico-de-sergipe